Polícia Civil de Araxá prende os acusados, de pelo menos, quatro roubos na cidade

Eles estão no Presídio Regional de Araxá e foram detidos após uma série de investigações

Em uma entrevista na manhã dessa quinta feira (28), na Delegacia de Polícia Civil de Araxá, no Alto Paranaíba, o delegado Christiano Dib falou sobre a Operação Belvedere, que culminou com a prisão de quatro acusados de roubos na cidade nos últimos meses. Os detidos foram uma mulher de 27 anos e três rapazes de 22, 23 e 27 anos. O homem de 27 anos tem uma ficha extensa de crimes e os demais, também algumas passagens e outro nem tem registro.

Um dos roubos foi no bairro Veredas, Setor Leste de Araxá. Em uma mesma noite, eles entraram em uma residência, renderam os moradores e efetuaram o assalto. Posteriormente, foram a outra casa, dos familiares do primeiro imóvel, e fizeram um novo roubo, levando diversos materiais.

“Ainda não concluímos as investigações, mas dois deles, a princípio, foram os executores desse assalto. Os outros têm participação de menor importância, de prestar auxilio. Ainda estamos individualizando ali as condutas. O mais importante é que grande parte dos objetos subtraídos foram recuperados e estavam na posse deles, nas casas dos investigados, nos bairros São Geraldo e Fertiza”, explica o delegado.

Ainda na lista de crimes dos acusados, estão assaltos a postos de combustíveis, empresas de produtos eletrônicos e também a residências. Os mandados cumpridos foram de prisão temporária e de busca e apreensão. “A princípio nós estamos investigando dois roubos à residência e dois a estabelecimentos comerciais. Os quatro são residentes em Araxá. Agora vamos aprofundar nas investigações, fazer novas diligências, reconhecimento com as vítimas, reconhecimentos dos materiais apreendidos e dar prosseguimento aos trabalhos”, finaliza Christiano.

Por Caio Ranieri – Minas no Foco