O ARAXAENSE JOSÉ OTÁVIO LEMOS SERÁ AGRACIADO COM A MEDALHA SANTOS DUMONT

O cerimonial do Governo de Minas anunciou que José Otávio Lemos será agraciado com a importante Medalha Santos Dumont por resolução do Governador Fernando Pimentel.

O nome dele foi indicado pela Academia Mineira de Letras, através do presidente da mesma, Olavo Romano, e pelo presidente da Comissão de Cultura da Assembleia Legislativa de Minas Gerais, Deputado Bosco, e aprovado por unanimidade pelo Conselho Permanente da Medalha Santos Dumont.
José Otávio é araxaense de nascimento e um divulgador do município que, segundo ele, lhe deu “tantas possibilidades desde bem jovem.” Filho de José Maria Lemos e Elma Borges Lemos. Casado com a designer Lucélia Patrício e pai de Pedro Otávio Patrício Lemos (6 anos). Neste ano, já recebeu a maior honraria do município de Uberaba, a Medalha Major Eustáquio.
O agraciado é o atual secretário geral da Academia de Letras do Triângulo Mineiro – ALTM e pertence ao conselho mais importante da Associação Brasileira dos Criadores de Zebu – ABCZ, o Conselho Deliberativo Técnico.
Em 2015, lançou o livro “O Guzerá de todos nós”, com edição esgotada no lançamento do mesmo e mais dois livros, ambos infantis: “O menino do planeta azul” e “Blu, também azul”.
“Blu, também azul” foi um dos destaques no Fliaraxá, realizado em agosto passado, e com contou com público recorde.
Muitas são as ações de José Otávio no campo da zootecnia, dentro e fora do país. É um dos juízes com maior atuações em exposições agropecuárias internacionais e já representou o Brasil em várias congressos internacionais. Inclusive, também neste ano, com uma conferência sobre a importância do Zebu e dos búfalos para a pecuária mundial abriu o Simpósio Internacioal da Universidade de Madras, na Índia.

12118613_942927795778635_7043183026038183356_n

10424276_942927875778627_8724855825207254546_n